Imagem de Topo
Lançamento da campanha "Start to talk"
07-11-2018

Associando-se à comemoração do Dia Europeu para a Proteção das Crianças contra a Exploração
Sexual e o Abuso Sexual
- 18 novembro -, decorre no próximo dia 22 de novembro, no Museu nacional do Desporto ( Palácio Foz, Pç. dos Restauradores | Lisboa), o lançamento  em Portugal da Campanha europeia da  «Start do Talk», dinamizada a nível europeu pelo Conselho da Europa.

Esta iniciativa conta com a presença da Secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes e do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo.

A campanha é um apelo do Conselho da Europa para que as autoridades públicas e o movimento desportivo em particular, ponham fim ao abuso sexual infantil. Ao aderir a este convite, os governos, clubes desportivos, associações e federações, bem como atletas e treinadores, comprometem-se a tomar medidas concretas para prevenir e responder ao abuso.

Start to talk” é sobre adultos quebrando o silêncio e dando voz às crianças.

O lançamento da Campanha em Portugal é uma iniciativa promovida  pela Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto (SEJD), com organização do Instituto Português Juventude e Desporto (IPDJ), em parceria com a Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens e a Confederação Portuguesa de Associações de Treinadores.

Pretende-se com esta iniciativa:

  • Apresentar a campanha de comunicação “Star to Talk” dinamizada pelo Conselho da Europa e pela  Comissão Europeia no âmbito da iniciativa Pro Safe Sport+, em que Portugal esteve envolvido;
     
  • Apresentar o Kit de Formação igualmente produzido no âmbito da iniciativa acima mencionada, um recurso destinado a apoiar todos aqueles que têm influência no desporto (dirigentes e colaboradores das federações, associações e clubes, treinadores/as e equipas técnicas, pais, familiares e atletas), na prevenção e resposta a situações de potencial violência sexual;
     
  • Sensibilizar o movimento desportivo para o abuso sexual de crianças e jovens no contexto do desporto.
     
  • Estabelecer o compromisso do movimento associativo de “quebrar o silêncio” e de tomada de medidas concretas relativamente ao abuso sexual de crianças e jovens no desporto.

Contribua para quebrar o silêncio!

- PROGRAMA -