Imagem de Topo


FORMAÇÃO COMPLEMENTAR - DESPORTOS DE COMBATE /ARTES MARCIAIS



Sem prejuízo do disposto no Regulamento de Formação Complementar Desportos de Combate/Artes Marciais chama-se a atenção para as seguintes normas regulamentares:

1.O período para a realização de Ações Complementares, para cada modalidade deste grupo é de um ano após a data de aprovação da primeira candidatura, independentemente da entidade formadora que a submeteu.

2.Podem organizar Ações de Formação Complementar todas as Entidades que cumpram, cumulativamente, os seguintes requisitos:

     - Estar inscrita no Registo Nacional de Clubes e Federações Desportivas;
     - Representar um mínimo de 10 de clubes;
     - Representar um mínimo de 20 treinadores.

3.São destinatários das ações de formação complementar todos os candidatos que tenham sido, ou sejam responsáveis pela orientação de preparação de praticantes/atletas na modalidade desportiva em causa e que cumpram cumulativamente os seguintes requisitos:

     GRAU I
     - Idade mínima de 18 anos.
     - Mínimo de 1 ano de prática comprovada no exercício da função de treinador.
 
     GRAU II
     - Idade mínima de 18 anos.
     - Mínimo de 5 anos de prática comprovada no exercício da função de treinador.
 
4.A organização das Ações de Formação Complementar no âmbito deste regime devem seguir os referenciais de formação estabelecidos, sendo no entanto da responsabilidade da Entidade Formadora a submissão do(s) referencial(ais) de formação da(s) unidade(s) de formação específica do desporto de combate/arte marcial em questão, para validação do IPDJ,IP.

 
CANDIDATURA À ORGANIZAÇÃO DE AÇÕES DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR – DOC. FUNDAMENTAL